Colégio Santo Agostinho


Gente que
forma gente

Apresentação

Educar pessoas é missão para a vida toda, e diz respeito à toda comunidade. Por isso, o Colégio Santo Agostinho acredita no preceito “gente que forma gente”.

A tradição agostiniana acredita na educação como um processo que se inicia com a própria pessoa, em sua inquietude e desejo de ser, conhecer, desenvolver-se como sujeito de sua história. Formar começa com o intuito de formar-se: descobrir e amadurecer suas capacidades, discernir valores e propósitos de vida, aprender e expandir os conhecimentos do mundo.

Nesse processo de formar-se, a pessoa contempla a vida e o mundo, reconhecendo os saberes, as ciências, os costumes e aprendizagens que lhe antecederam, entendendo-se como parte integrante de uma comunidade. A escola é o espaço onde os saberes, tradições, sabedorias do passado e do presente convergem para auxiliar na formação das novas gerações.

Assim, gente que forma gente se traduz de modo dinâmico no ensino, onde articulam-se os saberes acadêmicos e práticas pedagógicas dos professores, num diálogo permanente com as questões, perspectivas e demandas dos estudantes, num esforço comum de compreender o mundo e seus desafios.  

  • Nossa
    Missão

    Promover a vida por meio da fraternidade, da educação e da justiça social.

  • Nossa
    Visão

    Por meio da integração entre associados e colaboradores, promover uma educação de qualidade em sintonia com os novos desafios, para que as pessoas envolvidas criem condições para uma vida digna.

  • Nossos
    Valores

    Solidariedade, Amizade, Justiça, Subsidiariedade (Autonomia) e Corresponsabilidade.

Somos Agostinianos

Fundamentos da Pedagogia Agostiniana

A pedagogia agostiniana inspira-se na vida e obra de Santo Agostinho (354–430). Nascido em Tagaste de Numídia, província romana ao norte da África, desde pequeno era uma criança alegre, esperta, entusiasta do jogo, amante da amizade. Santo Agostinho foi aluno, professor e educador. Seu desejo pela verdade e pela sabedoria, sua inquietude, suas obras, pensamentos e o seu legado constituem um caminho de realização humana, de autêntica educação, de orientação à busca do sentido da vida, com grandiosa visão de mundo e de história.

Santo Agostinho

Somos
Agostinianos

A filosofia agostiniana traz a realização e a felicidade do ser humano como diferencial para seu projeto de educação. Sendo assim, tem na formação humanística o caminho para uma educação como sujeito social, no qual o estudante se transforma em pessoa, através da convivência e colaboração com outras pessoas, “gente que forma gente”, assim, estabelecendo relações que o qualificam para a vida.

Objetivos do Projeto Pedagógico

Na pedagogia agostiniana, “ensinar” e “educar” são dimensões igualmente importantes para a formação do ser humano. Compreendendo o “ensino” como a capacitação em conhecimentos, orientado para  o desenvolvimento do intelectual, com foco na capacidade do ser humano  enquanto indivíduo, e considerando a “educação” como construção de valores pessoais, na busca de qualidade de vida e excelência para o ser humano enquanto pessoa e cidadão. Através dessa dinamização, a educação se torna humanizadora.

Por isso, o projeto educativo agostiniano é sustentado em cinco dimensões de valores pessoais a serem desenvolvidos:

  • 1
    DIMENSÃO
    Pessoal

    1

    Cada pessoa é única, singular e precisa construir-se como alguém feliz e realizado. O caminho para alcançar o autoconhecimento é através da interioridade.

  • 2
    DIMENSÃO
    Comunitário

    2

    Toda pessoa nasce e cresce em comunidade. O outro desempenha um papel fundamental no processo de amadurecimento e crescimento pessoal. O caminho da vivência comunitária é o amor, a amizade, a fraternidade e a solidariedade.

  • 3
    DIMENSÃO
    Crítico Transformador

    3

    A realidade do mundo, com suas limitações e possibilidades, influencia-nos como pessoas. Conhecer a realidade para, com espírito crítico e construtivo, transformá-la, é um desafio e uma tarefa de toda pessoa madura.

  • 4
    DIMENSÃO
    Ecológico Cósmico

    4

    Respeitar a vida em todas as suas manifestações. Para isso, é necessário colaborar com a diversidade e a conservação, de tudo aquilo que seja ligado à vida e a natureza.

  • 5
    DIMENSÃO
    da transcendência

    5

    A pessoa não se satisfaz em si mesma, nem somente nas relações humanas, ou só com lutas de justiça social: é necessário um sentido para tudo isso. É preciso buscar a Verdade e, nessa busca, também buscar Deus como o próprio sentido das coisas.

Desenvolvendo esses valores, o ser humano se liberta. Com a liberdade, ele transforma-se em um ser íntegro, amigo, solidário e fraterno com seus semelhantes, que serve a Deus e à sua sociedade.

Nosso grande objetivo, portanto, é educar para que se possa viver verdadeiramente, de forma sábia, em busca do autoconhecimento, do amor e da transcendência.

Educação Integral

Vida Escolar + Esportes + Arte e Cultura + Escola em Pastoral


Estudo das práticas corporais

A educação agostiniana contempla o ser humano em sua totalidade: corpo e mente, inteligência e coração. Isso traduz-se em diversos campos do saber, como na Educação Física - peça essencial na formação cidadã de nossos alunos com a visão de práticas corporais como manifestações culturais e meios de integração social. Por essa ótica, o Departamento de Educação Física (DEF), estimula a melhoria da qualidade de vida e desenvolve, por meio de estudos e práticas corporais, um diálogo verdadeiramente formativo na compreensão de si e da relação com o outro, no respeito à diversidade de sujeitos e desempenhos, no cultivo da autoestima, da saúde e bem-estar para as suas vidas

A Educação Física promove vivências formativas e lúdicas caracterizadas pela diversificação cultural e interações compartilhadas, promotoras da autonomia, curiosidade, criatividade e respeito de todos os envolvidos. Essas são indispensáveis às descobertas sobre o corpo e a cultura corporal, ao exercício da participação, da inclusão, da cooperação e autogestão na organização e no usufruto das práticas para a saúde, lazer ou trabalho.

Artes aplicadas à educação

Nosso trabalho, como formadores de indivíduos capazes e críticos, não estaria completo sem o Departamento de Arte e Cultura (DEAC). Através dele, articulamos a arte e a educação, sustentados na convicção de que a arte exprime os mais altos valores da vida humana, permitindo reflexões sobre sentimentos, compreensões de vida, anseios e valores que ampliam a visão da existência.

Aprender a arte, como conteúdo educacional, estimula a formação dos sentidos e da sensibilidade e possibilita olhar para a vida, para o mundo e  para si mesmo com novas referências e horizontes de sentido. Desse modo, arte e educação contemplam aspectos da dimensão transcendente da própria vida, propiciando aos estudantes contextos mais abrangentes de significado do mundo e de suas vidas.


Escola em pastoral

O Colégio Santo Agostinho fundamenta sua prática educacional nos valores cristãos, iluminada e inspirada na tradição da filosofia e espiritualidade agostiniana. Hoje, essa tradição traduz-se numa prática holística de aprendizagem, com foco na formação do ser humano em sua dimensão cognitiva, afetiva e integral. Dessa forma, as práticas de ensino transcendem a sala de aula, oferecendo aos jovens estudantes aprendizagens e reflexões que os acompanham muito além desse espaço, formando-os para autênticas práticas de cidadania.  

“Escola em pastoral” é uma inspiração de toda a escola, com o propósito de cultivar um ambiente de desenvolvimento, acolhimento e fraternidade, iluminada pela mensagem cristã do evangelho. No Colégio Santo Agostinho, o DEPAS – Departamento de Evangelização, Pastoral e Ações Sociais – incentiva e promove espaços de vivência dos valores humanos, cristãos e agostinianos, no contínuo exercício de expressão da fé para todos os membros da Comunidade Educativa – alunos, pais, professores e colaboradores.

Conheça o universo SIC

Obras Sociais

A Sociedade Inteligência e Coração (SIC), dos freis agostinianos, é uma entidade civil de assistência social, sem fins lucrativos. Mantenedora de todas as unidades do Colégio Santo Agostinho, a SIC também é responsável por várias Obras Sociais nos estados de Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro, além de uma missão na Prelazia de São Félix do Araguaia, no Mato Grosso.